Proteja-se de uma Economia de Incertezas. Prepare-se para o Futuro!

O Site mais Completo sobre Investimentos em Metais Preciosos da Internet em Língua Portuguesa!

---------------------------
------

Artigos - Análises Econômicas - Panorama do Mercado Financeiro - Comentários




O Caminho dos Metais Preciosos em 2011. Subirão? Manter-se-ão estáveis ou cairão os seus preços?

Se existe uma palavra cuja aplicabilidade é inadequada aos comportamentos do mercado financeiro, esta palavra é: Certeza. É certo que o sol brilha, é certo que as ondas do mar podem ficar agitadas ou calmas e, acima de tudo, é certo que Deus existe.  Mas já sobre o mercado financeiro, bem, a respeito deste, nada é certo, especialmente nos dias de hoje.
Um raciocínio precipitado poderia, de pronto, concluir que os metais preciosos continuarão a subir de preço (cotações), mas será que será assim mesmo?
Observe os gráficos abaixo e analise-os com cuidado:

Notem as semelhanças (há semelhanças e diferenças aqui em questão) no gráfico do preço do ouro no período de janeiro de 1975 ao final de 1979 e no gráfico do preço do ouro entre janeiro de 2000 e julho de 2010. E logo a seguir notem o que ocorreu entre o início dos anos 80 e o final de 1984.
Não há necessidade de grandes conhecimentos em economia a fim de se saber que foram fatores externos diversos os responsáveis por esses resultados, óbvia e evidentemente.

Em janeiro de 1980, o ouro bate recorde em US $ 850 por onça. A alta da inflação por causa dos preços do petróleo, a intervenção soviética no Afeganistão e o impacto da revolução iraniana, levaram os investidores a se mudar para o metal.
Porém em agosto de 1999, o ouro caiu para uma baixa histórica de 251,70 dólares em razão das preocupações com o fato de os bancos centrais estarem, à época, reduzindo as suas reservas em barras de ouro e, ao mesmo tempo as empresas de mineração vendiam ouro em mercados futuros para se protegerem contra a queda dos preços.
Em outubro de 1999, o ouro atingiu um máximo de dois anos em 338 dólares após um acordo entre 15 bancos centrais europeus para limitar as vendas de ouro.

A história é longa, mas o que precisamos tomar como lição é que acontecimentos inéditos e repentinos podem trazer mudanças dramáticas na cotação do ouro (e hoje a prata se encontra muito mais sujeita aos fatores que influenciam o ouro do que jamais esteve). Mas que fatores são esses?

No artigo que publicamos: “O Caminho dos Metais Preciosos em 2011. Subirão? Se manterão estáveis ou cairão os seus preços?” examinamos oito fatores cruciais, todos eles com enorme potencial para interferir no futuro dos metais preciosos para o ano de 2011.

Se você se interessa pelo mercado dos metais preciosos, acreditamos que você poderá ser acrescido com esta análise de nossa equipe para o futuro dos metais preciosos em 2011.

$ O Caminho dos Metais Preciosos em 2011. Subirão? Manter-se-ão estáveis ou cairão os seus preços?


Destranque este artigo clicando aqui.